Pesquisar este blog

Carregando...

sábado, 3 de outubro de 2015

Quem foi Lázaro?

Primeiro dia de sala especial para crianças na igreja, e Luísa me vem com esta:
- "Mãe, a tia fez um quiz e perguntou quem foi que Jesus ressuscitou. Eu disse: LÁZARO!
Ninguém sabia, mãe. Só eu!!"

Quase caí do sapato.
Como assim?

Vamos voltar à frase lá de cima: "Primeiro dia de sala....na igreja..."
Primeiro dia, gente! E ela sabe quem Jesus ressuscitou! Nem EU sabia!!!

"Como você sabe disso, Lú?"
Imagine um dããããr bem grande vindo dela pra mim:
"A música da Aline Barros, mãe!!"
Ou seja, a criança ouve e interpreta a música.

Segue pedacinho da música:

"Lázaro ouviu a sua voz 
quando aquela pedra removeu
depois de quatro dias ele reviveu
Mestre não há outro que possa fazer
aquilo que só o seu nome tem todo o poder
eu preciso tanto de um milagre"

Orgulho, filha! Orgulho.


Muito prazer: meu nome é teimosia e meu sobrenome é drama.

Se você tem um filho ou uma filha de 7 anos, que se encontra no auge da teimosia, toca aqui, e vamos chorar juntas.
Olho pruma árvore e digo "esta árvore é verde!", e ela diz "nããão. é amarela!".
"É verde, filha!". E ela: "nããão éééé....nãoooo éééé.....eu disse nããão ééééé!!!!! não é, não é, não é........."

Na hora do banho:
"Eu não suporto quando você fica me mandando fazer as coisas. Você só sabe mandar em mim. Todo dia me manda tomar banho. Pra quê? Eu já tomei banho ontem! Eu não gosto de tomar banho todo dia. Você é uma chata!"

Na hora das brigas:
"Eu escolhi você pra ser minha mãe porque achei que você fosse uma mãe serena, e...."
Pausa para notarem a palavra serena no vocabulário dela.
"...se eu soubesse que você não era serena, eu teria escolhido outra mãe!"

"Tá bom, Luísa, então vamos fazer assim: vou arrumar outra mãe pra você, ok?"
"Eu não quero outra mãe!!! Quero que você seja mais serena e menos chata comigo e pare de me mandar tomar banho todos os dias!"


Estes são apenas exemplos do que ouço TODOS OS DIAS por aqui. E também provas de que VOCÊ, que está ME LENDO, não está sozinha!!! Descobri que 7 é o número da teimosia e quase 8 é o número do drama.

sábado, 22 de agosto de 2015

A verdadeira história de Anita

Há um tempo atrás, escrevi aqui que arrumamos uma gatinha pra Luísa.
Contei que quando vi a ninhada tentei convencê-la a esperar um pouco mais e procurarmos um bichinho mais bonitinho, já que ali só tinha gatos pretinhos; e ela disse que não, e que tinha que ser preto para combinar com a cor do pai, meu marido. (ahhahaha...).
Pois bem.
Passados seis meses de existência e convivência com a gatinha, descobrimos que ela era ele.
Anita era macho.
Tentamos trocar o nome, chamá-lo de Anito, mas não rolou, e Anita permanece Anita até hoje, com potes de água e comida cor de rosa, só que macho.
O que foi legal! Afinal de contas, agora além da cor combinar com a do pai, o sexo também combina, o que nos faz duas meninas e dois meninos aqui em casa, duas brancas e dois pretos, como ela diz.


segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Prestenção, gente!!

E antes de dormir:

-"Mãe, pai, vamos fazer a oração da família?
- Vamos!
- Então eu falo e vocês repetem: Papai do céu...
- Papai do céu.
- Muito obrigada pelo dia de hoje...
- Muito obrigada elo dia de hoje.
 - Pela nossa casa...
- Pela nossa casa.
- Pela nossa comida...
- Pela nossa comida.
- Pelo papai, pela mamãe...
- Pelo papai, pela mamãe.

- Ô gente! Prestenção!! Vocês tem que falar "obrigado pela Luísa..."

Prestenção!!

sábado, 1 de agosto de 2015

Parque da Mônica

Mais um texto escrito pela Lulú, contando sobre nosso dia no Parque da Mônica:

"Ontem eu , minha mãe , Nara e Gabrielle fomos ao Parque da Mônica. Chegamos lá tava uma fila em todos os brinquedos. O 1o.  foi a montanha russa do astronauta.
O 2o. foi o brinquedão do Chico Bento.
O 3o.  foi o horacic park e etc. 
Depois no mc donald´s mamãe e eu  pedimos mc nifico  Nara e Gabrielle cbo.
Depois fomos no carrossel e chegaram os personagens. Tiramos fotos."




Qualquer hora ela assume de vez o blog. 

****

A opinião da Mãe da Lulú sobre o parque:

É o Parque da Xuxa com carinha da Turma da Mônica, só que ainda com menos brinquedos.
É um "buffetzão" infantil, onde você pode até deixar as crianças maiores perambularem sozinhas por lá. 
Com exceção da montanha russa e do "splash", elas podem ir desacompanhadas em todas as atrações.
O preço do ingresso é justo. Da lojinha, um absurdo.
Alimentação: Mc Donald´s.
Personagens: fofos. 




Complementando o raciocínio lógico



Compramos ontem o Banco Imobiliário Junior e a brincadeira à noite foi em família. 
Volto a afirmar: Luísa é BOA em matemática - ufa!! 

(Mônica Japiassú, você tem razão em seu comentário anterior....)

O mais legal: 
não foi eu quem incentivou Luísa a escolher o jogo, e sim, ela mesma. 

Apesar da linguagem "complicada" ainda para a idade - títulos de posse, lucros a receber, investimentos, falência, etc... - acredito que a familiarização com estes termos é valiosíssima. 

Também acho que é o tipo de jogo de tabuleiro pra se jogar durante dias! Deixar tudo montado num canto da casa e ir jogando, comprando, investindo...
Ainda não encontramos este canto aqui, pois temos um gato pentelho que adora "chutar" tudo o que vê pela frente, mas vamos encontrar.
Fica a dica.

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Raciocínio rápido e lógico



Luísa aprendeu a gostar de matemática
depois de ter tirado notas super boas nas provas.
E para mim isso é um orgulho,
pois quem estudou comigo,
sabe do que estou falando.

Subindo as escadas do prédio onde moramos, ela contou 4 apartamentos em cada andar:
- "Então se são 4 apartamentos por andar, tem 16 apartamentos em cada prédio.
   4 prédios, mãe, quanto é 32 mais 32? É 64? Nossa! Então tem 64 apartamentos em nosso    
   condomínio!"
Luísa, ainda no 2o ano.
Que delícia.
Que assim seja sempre!