Pesquisar este blog

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Momentos que não podem / não devem / ou podem? ser fotografados

Final de ano, marido na correria (como sempre acontece...) para finalizar os compromissos, entregar projetos, realizar os eventos e poder sair de férias numa boa, sem deixar nada pra trás,  Luísa acaba sentindo falta dele!
Esta semana, em especial, ficamos sem ele quase todas as noites, e acabamos fazendo coisas sozinhas, como ir ao shopping, comprar presentes, ver o Papai Noel, assistir ao coral, etc...
Ontem, Luísa já com saudades, foi dormir falando nele, pedindo por ele, mas tudo o que conseguiu foi falar com ele por telefone. O suficiente para tranquilizá-la e fazê-la dormir em paz.
Hoje, acordou com ele ali já, e colou nele. Colou.
Colou tanto que, imagine a cena:

Marido = banheiro =  número 2 = porta aberta
(momento escatológico familiar: o casamento dá nisso!)
Luísa chega de mansinho, coloca uma cadeirinha ali ao lado dele
(já fiz muito isso!)
Os dois de mãos dadas, se divertindo, olhando o caderno de atividades da escola. Super cúmplices.
Até no fedô!

Fala sério?
Momento lindo para uma foto (hein?)

Que pena que nem tudo podemos - ou devemos - fotografar!

4 comentários:

  1. KKKKKKKKKKK
    Que cena heim?
    merecia sim um foto rs.


    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Momento hilário.... mas.... especial!!!

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkk, Fê hilário, mas quando a Lulu crescer acho que vai se incomodar... kkkkk coisas de meninas...rs rs rs beijo!

    ResponderExcluir