Pesquisar este blog

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Aberta a temporada de caça aos piolhos lá em casa

Acho que não é vergonha dizer aqui que minha filha, aquela menina toda cheirosinha, que lavo os cabelos todos os dias não porque eu quero, mas porque não consigo penteá-los senão estiverem molhados está com piolho. Debutante no pente fino, meu domingo foi uma curtição. A tarde toda no box do banheiro, Lulú e eu.

Não é vergonha dizer que Lulú tá com piolho, mas é engraçado demais dizer que maridão pegou piolho dela!

Passamos na farmácia, compramos tudo o que encontramos para acabar com os bichinhos, e acho que, em um dia inteiro de pente fino, eles se foram. Tanto dos cabelos da Lulú como dos do pai da Lulú. I hope!
Eu me safei, muito provavelmente pelo fato de pintar os cabelos. Os piolhos não aguentam a química. Que bom. Muito bom.

..." a doença atinge pessoas de todas as classes sociais e está entre as de maior incidência na população infantil do país.
"De acordo com o dr. Guilherme José Sigrist, pediatra colaborador da Associação Brasileira de Pediculose*, a única maneira comprovadamente eficaz para eliminar 100% de piolhos e lêndeas é o uso do pente fino de metal associado a um pediculicida garantido pelo Ministério da Saúde."

"O pior inimigo não é o piolho, mas a lêndea. O melhor pediculicida não mata mais que 60% das lêndeas. A maneira mais simples e eficaz para combater a pediculose é o uso periódico do pente fino de metal tanto para prevenir, como para eliminar lêndeas e piolhos", explica Sigrist"

Lêndea, o pior inimigo


O ovo é mais resistente aos tratamentos convencionais que o próprio piolho .
 "As lêndeas são ovais, pequenas (aproximadamente 0,5 mm) e hermeticamente fechadas, o que dificulta a ação dos medicamentos sobre elas. Além disso, os ovos são fixados nos fios de cabelo por uma espécie de cimento muito firme (substância quitinosa)".

A expectativa de vida dos piolhos é de 40 dias. Durante seu ciclo biológico, cada fêmea deposita cerca de 200 ovos. O período de incubação da lêndea é de oito dias e, dentro de mais oito, temos um piolho adulto pronto para a reprodução. Para ser eficaz, qualquer tratamento precisa levar em conta este ciclo. "

Prevenção

"Os piolhos se proliferam, sobretudo, em ambientes quentes e úmidos. Mas, ao contrário do que se imagina, sua incidência não têm relação direta com a higiene. A pediculose também não respeita barreiras sociais, econômicas ou geográficas e tem alcançado uma proliferação surpreendente, como demonstra o aumento, ano a ano, das vendas de piolhicidas no país. Assim como acontece com as bactérias diante dos antibióticos, os piolhos criam resistências contra os pediculicidas, razão das constantes mudanças que os laboratórios fazem em suas fórmulas. As pesquisas têm procurado encontrar um produto que modifique as condições do habitat do parasita (o couro cabeludo) tornando-o inabitável. Até que os resultados não se concretizem, o exame periódico da cabeça das crianças e o uso do pente fino de metal é a melhor prevenção. "
Fonte: http://www.pragas.com.br/


Éca!
Quando pequena, eu era a piolhenta da turma. Minha amiguinha da rua era crente. E piolhenta. E a gente se adorava! A gente não se largava. Lembro da minha mãe limpando minha cabeça aos domingo, porque ela trabalhava durante a semana. Me deixava no sol, em cima de uma escadinha, com mel, ovo, vinagre, limão, e sei lá mais o que na cabeça (mães, não façam isso em casa!). Neucide. Esse era o nome do pozinho. Lembro até hoje do barulhinho da latinha, quando ela apertava aquilo na minha cabeça.

O que usei na Luísa ontem foi Kwell, pois o pediatra me garantiu que acaba também com as lêndeas. E meio comprimido de Revectina e 30 minutos embaixo do chuveiro passando pente fino nela.
Lucas usou 1 tudo de shampoo Kwell (deixou agir por meia hora, com uma fralda de pano embrulhando os cabelos - kkkkkkkk....) e 2 comprimidos de Revectina, que é por peso.

Espero que o caso esteja realmente solucionado lá em casa.
Alguém sugere alguma outra coisa? Será que se eu passar vinagre na cabeça dela resolve ? Não cozinha não?

13 comentários:

  1. Ai, q dureza!! Só de ler esse post, já coço a cabeça sem parar... Tbem fui super piolhenta adepta do Kwell, pente fino e vinagre, sou mega traumatizada!! Mas tinha um outro shampoo chamado Scabin q funcionava bem, talvez valha a pena tentar.
    Boa sorte com esses terríveis bichinhos!
    Bjos,
    Camila
    www.mamaetaocupada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu tive muitoooooooooooo piolho por causa dos meus cabelos que sempre foram mega cheios...Ô meu Deus, me v sentada no sofá e minha mãe catando piolho,kkkkkk...Tadinha da Lulu!!!

    Cabelinho preso, é a melhor maneira de prevenir!!!

    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Oi Fê,
    essa batalha é barra pesada. Já passei por isso aqui emcasa. Muita dedicação e paciência.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Mãe é fogo, né?!

    A gente sempre pegava piolho nas férias (a gente sempre passava no interior da Bahia, aí, voltava com bicho-de-pé, piolho).

    Uma vez, ela passou fumo de rolo com álcool. Minha irmã, que tinha menos de 07 anos, ficou bêbada, passou mal, teve que ser levada pro hospital. Mó sufoco!

    ResponderExcluir
  5. kkkk Piolho acontece com toda criança!! E com papais também, pelo visto, né??
    Lá em casa, minha mãe que era pediatra, sempre passava Escabin, Kwell, pente fino. Mas, na minha irmã que era a piolhenta, ela passava também vinagre (para soltar as lêndeas).Passa o vinagre e o ente fino em seguida, Pois as lêndeas ficam soltas!
    Boa sorte!!!
    Bjos!
    Juliana Almeida
    www.blogdabebel.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. toda criança??? tá maluca???

      Excluir
  6. Oi, estou com medo de passar Kwell..minha filha tem 4 anos e acaba de pegar o "bendito" piolho...quando eu era pequena tive muito e o único remédio que adiantou foi o Kwell. Mas hoje me vejo na posição contrária e com receio do cabelinho dela cair...qual a idade da sua pequena?

    ResponderExcluir
  7. Só de falar já fico arrepiada de nervo minha filha tem apenas três anos e pegou piolho estou numa luta para tentar acabar com essas pragas já usei de um tudoscarbim keltrine e até os comprimidos já dei não sei mais o que faço

    ResponderExcluir
  8. Eu tenho um menino ele adora um.piolho chega pegar 3 vezes por ano, tem o cabelo compridinho dá um trabalho, mas tenho dó de cortar ele gosta muito do cabelo. Tenho usado o scabim mas vou usar kwell.

    ResponderExcluir
  9. Percebo que infelizmente é um assunto que está em pauta, embora o post seja de 2011.
    A verdade é que essa praga é sempre atual. Seja Kwell, Escabin, Keltrina, Neocid, Vinagre e tantas outras "receitas", só são eficazes acompanhados de um bom pente fino.
    Entrei nessa guerra a poucos dias, afinal não é falta de higiene, e se nossos pequenos vão para a escola, estão ainda mais expostos a praga.
    Me deparei com a propaganda do tal Dr. Pentinho e fui conferir. Gente, não é que o negócio funciona mesmo. Tira toda lêndea.
    Muita paciência e dedicação. Nossos pimpolhos merecem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. flor, esse dr pentinho usa só ele?nenhum produto?

      Excluir
    2. Oi.. eu também comprei o Dr. Pentinho.. é super bom! Foi o que resolveu com a minha filha.. ela teve quando era bebê ainda.. super cabeluda.. aí já viu.. pegou.. e passa pente fino, e passa dr. pentinho. Na época não podia ainda passar esses shampoos e nem tomar o remédio. O jeito foi ir na mão e no pentinho.!! Eu recomendo esse viu!

      Excluir
  10. Olá, o meu filho usa este spray repelente de piolho natural e nunca pegou piolho, usa sempre antes de ir para a escola ou brincar com outras crianças,
    ele pode ser encontrado aqui
    http://ispirato.wixsite.com/perfumes/repelente

    ResponderExcluir